EOH investe na e-business systems (EBS)

A Petróleos de Moçambique S.A. (Petromoc) concluiu no início do mês de Abril de 2014 o processo de cedência de maior parte da sua participação 8 na empresa EBS à multinacional Sul-africana de tecnologias de informação e comunicação, EOH. O facto marca mais uma etapa da implementação da sua estratégia de redução ou venda total de participações em activos não-core.

Segundo Nuno de Oliveira, Administrador-Delegado da Petromoc, “Esta transacção representa uma forte mais-valia para a Petromoc, pois assegura que a sua estratégia de IT sai reforçada em resultado das garantias previstas no contrato de compra e venda da EBS, empresa que tem assegurado a gestão das plataformas tecnológicas da Petromoc. E, ainda mais importante, maximizamos o valor da empresa com esta venda de um activo não-core, e asseguramos que o comprador mantem e reforça de forma acentuada o quadro de pessoal, um aspecto para nos fundamental em todo este processo.”

A venda das acções à EOH é o culminar de um processo que iniciou há pouco mais de dois anos, onde diversas propostas de diferentes entidades nacionais e internacionais foram avaliadas.. A EOH é uma das maiores empresas de Tecnologias de Informação e Comunicação na África do Sul e está listada na bolsa de valores de Johannesburg desde 1998.

De acordo com Ebrahim Laher, diretor administrativo da EOH, "o grupo EOH está animado para fazer parte do processo de aceleração do crescimento da EBS nos mercados nacional e internacional através da prestação de novos serviços e produtos. Acreditamos firmemente no potencial da EBS e é por isso que pretendemos utilizar o EBS como uma plataforma de crescimento nos países africanos, investindo fortemente no trabalho local e explorando agressivamente o crescimento da economia moçambicana."